Mais Recentes:

Supercopa UEFA – A volta do melhor futebol do mundo

A final da supercopa é o pontapé inicial para a abertura da temporada europeia, um dos principais campeonatos começa nesse fim de semana como a Barclays Premier League. Essa é quinta final entre times do mesmo país que será disputada entre o Real Madrid contra o Sevilla.


O Jogo

Nos primeiros minutos vimos muitos erros de passe de ambas as equipes, mas a superioridade merengue logo foi transformada em gols, o Sevilla trouxe a proposta de contra-ataques dando espaço para que a jogada do Real fosse trabalhada pelo ótimo setor de meio campo as estreias de Toni Kroos e James Rodríguez contribuíram para principais jogadas criadas, diga-se de passagem, o belíssimo jogo de Kroos que transpareceu segurança e confiabilidade. Sevilla por alguns momentos sentiu a falta dos principais jogadores e que foram as peças importantes na ultima temporada e na conquista da Europa League. Mas o time teve boa postura no decorrer da partida com marcação em todo o campo mostrando vontade em toda dividida.

 
Primeiro Tempo

Nos primeiros 15 minutos tivemos poucas oportunidades de gols, o Real Madrid criou boas jogadas mais pecava no ultimo passe, aos 18 minutos a primeira chance dos merengues uma triangulação entre Cristiano Ronaldo, James e Bale e que terminou com ótima finalização e uma defesa melhor ainda do goleiro Beto. 30 minutos de partida mais uma triangulação envolvendo estreante James Rodríguez, Bale que fez o cruzamento e deixou o criador da jogada CR7 frente e a frente com Beto e não desperdiçou abrindo o placar para atual campeão da UEFA Champions League, depois do gol o Sevilla continuou se comportando da mesma maneira sem levar muito perigo a Casillas, graças á defesa muito bem postada sem deixar espaço para que o ataque do time de Andaluzia criasse jogadas de expressão. 

Segundo Tempo

Os times voltaram para segunda etapa, 4 minutos de bola rolando com passe longo de Kroos para Benzema que passou para o segundo gol do Real e do melhor do mundo no jogo, que aumentou sua média de gols marcados em cima do rival para 1,5 gols por partida. Depois do segundo gol o time de Madrid controlou o jogo indo ao ataque levando riscos e com defesa muito bem postada não sofrendo nenhum risco. Aos 27minutos depois de uma bela partida James foi substituído. No final da partida o Sevilla pressionou com uma sequência de escanteios tentando descontar, mas sem muitas chances de gol.


Real Madrid

Apesar de ser o primeiro jogo da equipe com as novas contrações, a equipe ainda mostrou o mesmo problema das ultimas temporadas o ajuste entre o meio de campo e o setor ofensivo a ligação entre os dois setores, mas ao decorrer da temporada será umas das tarefas de Carlo Ancelotti, a outra é encontra um time titular com muitos jogadores que seriam titulares em qualquer equipe. O desenvolvimento dos novos contratados será essencial para o fortalecimento da equipe na disputada dos campeonatos. 


Sevilla
Depois de perder suas estrelas que brilharam na ultima temporada e rendeu dinheiro aos cofres do clube, os dirigentes tendem a contratar peças para reforçar a equipe para disputar a temporada 2014/15. Contratou alguns jogadores para suprir a ausência das perdas, mas mesmo assim sentiu falta de uma referência no meio de campo, mas o técnico que fez o time vencedor na ultima temporada conta com a estrutura do elenco e permanência da base do time.

Tanto Sevilla quanto Real Madrid têm muito a melhorar, o Sevilla tem que mostrar que sua conquista do segundo título mais importante da Europa não se deveu apenas à Ivan Rakitic, o técnico tem peças boas o suficiente para levar o time mais longe do que foi na temporada passada. Já o Real Madrid precisa achar uma forma de colocar todos seus jogadores para jogar, seu ataque Galático pode ser a solução, mas também pode ser a origem de todos os seus problemas.


Curta nossa página no Facebook e siga-nos no Twitter para continuar ligado em todas as novidades do seu time europeu favorito!

Por: Marcos Henrique
Share on Google Plus