Mais Recentes:

Avaliação Planeta dos Macacos – O Confronto!

Em futuro após uma das terríveis epidemias que quase levou a extinção da raça humana, os poucos sobreviventes vivem em uma colônia buscando alternativas para geração de energia tão necessária aos humanos, já os macacos estão se readaptando depois que ter conseguido a liberdade através de César (Andy Serkis), com imenso uso da computação gráfica a interpretação torna-se algo notável, traduz toda a emoção quando os macacos são focalizados isso devemos parabenizar Matt Reeves que conseguiu mostrar as expressões em cada cena.


Alguns dos pontos positivos são o desenvolvimento e uso dos personagens, o dialogo entre os primatas que acaba nem precisando de legenda perfeitamente executado de modo que facilita o entendimento. Já pelo lado dos humanos cada um tem um papel importante no contexto da história, contribuindo para o curso que cada evento leva desde quando eles se encontram, até o estabelecimento da confiança.


Outro aspecto digno de ser lembrado é construção do lar dos primatas, cada um deles tem sua importância para manter o convívio pacifico e em segurança, a localização da casa deles está no caminho para uma hidroelétrica que seria a salvação para raça humana, esta é a geradora do confronto entre as duas espécies ambas buscam a paz, mas sempre estando prontos para a guerra.


A história cai no clichê onde tem uma hierarquia pré-definida um líder que gerencia tudo em sua volta, distribuindo afazeres tratando todos com respeito, com conhecimento sempre pensando um passo a frente dos demais, isso que diferencia César dos outros primatas. Um dos poucos pontos onde diretor deixa a desejar é de não ter arriscado mais em um contexto geral, todos os elementos são bem executados poderiam ter algo que marcasse essas (2h 11min) os efeitos visuais, por sua vez são extraordinários é possível ter a sensação de que aquilo é real quanto a vontade de seguir o César (Somos todos macacos).


Toda aquela expectativa poderia ter em relação ao filme te surpreende a cada cena desde o inicio o espectador fica surpreso, hipnotizado por todas as expressões e os aspectos contidos em todo o filme, tendo momento engraçado e eletrizante em vários outros momentos.


Gostou da postagem? Então diga o que achou! Curta nossa página no Facebook e siga-nos no Twitter!

Por: Marcos Henrique

Share on Google Plus