Mais Recentes:

TAS mantém punição e Barça agora corre contra o tempo!

O TAS (Tribunal Arbitral do Esporte na sigla em espanhol) manteve a punição ao clube da Catalunha e agora o Barça tem apenas 10 dias para contratar possíveis peças que faltam no time. O Barcelona foi punido no início do ano por irregularidades na contratação de jovens, na época o TAS decretou que o Barcelona só pudesse contratar a partir da metade da temporada 2014/2015, o Barcelona recorreu e a FIFA revogou o punição para que os fatos pudessem ser investigados de forma mais precisa. Agora o caso foi julgado novamente e o Barça ficará sem poder contratar até o início de 2016.


O problema para o time catalão é o chamado fair play financeiro da UEFA, o Barcelona já é o clube que mais gastou nesta janela de transferências com 154 milhões de euros investidos nas compras de Ter Stegen, Luis Suárez, Claudio Bravo, Ivan Rakitic, Jeremy Mathieu e Thomas Vermaelen, as vendas de jogadores geraram cerca de 80 milhões de euros para os blaugranas. Segundo as regras do fair play financeiro da UEFA os clubes tem um limite pré-estabelecido de 45 milhões de diferença entre o que entra e o que sai. Para continuar contratando o Barcelona teria que dar garantias à UEFA mostrando que o clube permanece dentro das regras. Caso o clube descumpra poderá ser punido com multa e ter seu elenco reduzido a apenas 21 jogadores em competições organizadas pela UEFA.


Segundo os jornais catalães a ideia do Barça seria contratar jogadores e emprestá-los a seus próprios times. Isso aconteceria com o espanhol Koke do Atlético de Madrid e com o alemão Marco Reus do Borussia Dortmund. O espanhol renovou seu contrato com o time de Madrid, mas já havia demonstrado interesse em jogar pelo clube catalão mesmo tendo negado a primeira investida do clube, com a oportunidade de jogar mais uma temporada pelo clube atual e depois ir para o Barcelona o jogador poderia ceder e firmar contrato com os catalães, Koke seria um pedido do técnico Luis Henrique que vê no jovem um substituto ideal para Andrés Iniesta no futuro.


Já Marco Reus é um desejo antigo do Barcelona e o negócio poderia dar certo pelo fato de o jovem alemão ter se recusado a renovar seu contrato com o Borussia e por este motivo o time poderia aceitar a proposta catalã já que conseguiria lucrar vendendo seu jogador e ainda mantê-lo por mais uma temporada já que o clube o emprestaria para o time alemão. O problema é que Reus é um dos jogadores mais cobiçados do mercado europeu e o Barcelona teria que desembolsar uma boa quantidade de dinheiro para tê-lo.


A lateral direita é vista como o principal problema do Barcelona, o time conta com Daniel Alves e com o jovem Montoya nesta posição, contudo nenhum dos dois passam segurança ao clube catalão e a contratação de um lateral é vista como prioridade, o time iria em busca de Cuadrado que pertence atualmente a Fiorentina, a oferta seguiria os moldes das de Koke e Reus, ou seja, o clube compraria o jogador, mas o emprestaria para seu clube atual em seguida. A zaga é outro setor que necessita de uma atenção especial do Barcelona e o brasileiro Marquinhos do PSG permanece sendo o alvo principal dos blaugrana para o setor.


O jeito é esperar e ficar atento ao Antares para continuar antenado às novidades do futebol europeu!
Share on Google Plus